Bulba RPG
Bem-vindo! Para ter acesso completo ao conteúdo do fórum deve fazer Login ou Registar-se
Bulba RPG
Fórum Roleplay de Pokémon
Passaram-se apenas dois meses desde a neutralização das maiores empresas criminosas. O mundo respirava de alívio novamente desde o Grande Cataclisma mas muitos começavam já a procurar pelo pior.O universo trabalha em padrões e nunca estes pardos foram tão nítidos como desde o Grande Cataclisma. Para cada momento de paz surge sempre um momento de caos.
estação
Primavera

— — excertos de demian hasse

Ir em baixo

— — excertos de demian hasse — Postado em Dom Maio 14, 2017 8:06 am

05 de janeiro de 2017.


Há pouco recebi esta piada de designação e a ficha que veio com ela. Não há muito aqui além do que é universalmente conhecido: que o garoto foi criado pela mãe, que tinha uma irmã, mas que esta desaparecera — morrera? — em circunstâncias misteriosas. Que o rapaz, desde então, não tem sido flor que se cheire. E é este garoto a quem fui incumbido de trazer de volta aos braços do querido avô. A menina, pelo que me parece, não lhes era consanguínea. Mas Strauss é. E, por falar em Strauss, quem é esse sujeito?


Tenho uma foto dele aqui em algum lugar, a colarei junto com esses excertos assim que terminar de escrevê-los. Eu não o daria mais que vinte anos. Parece uma criança cuja vida tenha torturado e, hah, não é isso uma piada? O rosto dele lembra o meu, marcado. Um rosto de que as pessoas têm medo, um rosto que as faz desviar os olhos nas ruas. Johann é tão monstruoso quanto eu. Agora, onde deixei meus cigarros?

Fico me perguntando porque querem justo este moleque para suceder à famiglia. É o único filho de Franny, que vá, mas daí a herdar todo esse império? Não é inaudito que em casos assim algum consigliere tenha ascendido no passado: são casos para se contar nos dedos de uma só mão, mas não é como se jamais tenha acontecido. O que me leva a pensar: o que há de especial sobre essa criança?

Encaro seus olhos gravados para sempre nessa foto e, na escuridão, me pergunto quais são os segredos que carregam. O que é que este sorriso inquietante não me conta? Volto às palavras que me fazem perder o sono — condição especial, condição especial — fecho os olhos e deixo que elas finquem em mim suas garras, que se enterrem fundo em meu peito e, quando respiro, tento sentir-lhes o peso, tanger-lhes uma forma. Tento imputar-lhes significado, mas, na calada da noite, estão mortas de sentido para mim.

Otcho
Treinador
avatar
Treinador

Magnata
Sem Profissão
Polícia
Mensagens : 24
PokePontos : 2627
Extras : I've been searching for some questions
Pers. Secundárias : found in questions I don't know how to ask
Rota Atual : All bottle up inside my head
Apenas sprites pequenos permitidos.

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum